Dados de OEE podem reduzir 30% do custo de manutenção

BMS Marketing
Atualizado em

Entenda como calcular corretamente o OEE pode ser um grande diferencial em relação à produtividade e custo de manutenção.

O que é produtividade pra você?

Esse conceito é entendido de diferentes formas, conforme a visão de cada hierarquia. Na visão dos engenheiros, por exemplo, produtividade é sinônimo de Energia Útil / Energia Fornecida (Rendimento). Já na visão dos Gerentes é a quantidade de produto acabado e de recursos utilizados (Mão de Obra, Matéria Prima e Equipamento).

Para se ter produtividade, não é necessário ter a melhor MO, os melhores EQ ou melhor MP.É preciso ter gestão dos recursos e recursos adequados. O planejamento produtivo certamente é o ponto de partida para se atingir os objetivos da empresa.

Esses planos ou planejamento recebem importante apoio de ferramentas de medição e controle da produtividade. A coleta de dados, se realizada de maneira sistêmica parece ser a resposta para o futuro de qualquer indústria.

Isso, porque, hoje em dia as indústrias buscam um sistema de coleta de dados de máquina que já calcule o OEE. No mercado atual existem vários sistemas que realizam essa tarefa, geram relatórios, gráficos, possuem a flexibilidade de armazenamento em nuvem com acesso via web, dispositivos móveis e outras plataformas.

>> Leia também: OEE: o primeiro passo para a Indústria 4.0

https://conteudo.bmstecnologia.com.br/planilha-de-calculo-de-oee

Transformar o sistema maravilhoso em retorno financeiro?

Uma das formas é trabalhar nas variáveis de OEE com estratégias específicas para cada uma. Entenda como a disponibilidade pode ser uma grande oportunidade em relação à produtividade e custo de manutenção.

Estrategicamente quem possui a capacidade de interpretar os dados de disponibilidade para reduzir os custos de manutenção consegue em média um aumento de 4 a 6% no OEE final e uma redução de custo de manutenção em torno de 15 até 30%.

Mas, como?

Utilizando-se da estratégia de transformar a manutenção baseada em tempo para manutenção baseada em condição.

Pense na troca de óleo do seu carro. Você realiza o procedimento de acordo com uma quilometragem específica, como por exemplo, 20.000km rodados. Mas, e se esta troca pudesse ser baseada na condição de utilização desse óleo? E se com base nessa análise você pudesse rodar com segurança mais 10.000km? Estamos falando aqui de uma redução de 50% do custo dessa manutenção.

Da mesma maneira, funciona para sistemas mecânicos com análise de vibração ou sistemas elétricos, se utilizando de termografia. Esses dados conectados a uma nuvem e analisados em um sistema de controle de processo, indicaria o melhor momento dessa troca, aumentando assim a vida útil de cada componente e reduzindo, ainda, o custo de mão de obra.

https://conteudo.bmstecnologia.com.br/planilha-de-calculo-de-oee

Lembre-se:

Investir em sistemas que busquem elevar os níveis de eficiência e reduzir as perdas nos processos produtivos é investir no sucesso do seu negócio. Quer comprovar como tudo isso pode acontecer na prática?

Fale com a gente!

>> Leia também: Por que devo utilizar controle de processos? 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

pt_BRBR
en_USEN es_ESES pt_BRBR

Quer conhecer mais sobre nossas soluções?

Entre em contato com um de nossos especialistas

Qual é a sua Função?

Gerente de Produção

Gerente de Segurança

Gerente de Recursos Humanos

Outros

Qual setor de atuação de sua empresa?

Indústrias em geral

Construção civil

Manutenção

Outros

Quando gostaria de implementar as nossas soluções?

Em menos de 1 mês

2 a 3 meses

acima de 4 meses

Selecione qual das nossas soluções é de seu interesse.

Manufatura 360

BMS ONe

BMS Integração